II- A Vítima e Sua Utópica Lágrima

PARTE II Todos fomos ver o que poderia ser, sendo direcionados ao porão,  deparamo-nos com uma cena horrenda. A mulher encontrava-se em estado de putrefação e  havia marcas de unhas nos degraus da escada que levavam à porta, esta também arranhada. Ela estava sentada, posição que revelava obviamente a percepção de que nunca sairia viva daquele porão. Seu rosto e […]

Continue lendo

I- A Vítima e Sua Utópica Lágrima

PARTE I Solicito-lhes grandiosa atenção à adjacente história aqui situada, a qual está a atazanar meu sono desde os primórdios de minha “maturidade”. Nutro tal “devaneio”, o qual não creio provir de peripécias ou fantasias, mas de incidentes recorrentes. A parte que lhes escreve é o sucinto lado do meu âmago, que suplica isenção da venda obscura que o cobre. […]

Continue lendo

O Plágio

Em toda a história da humanidade, sempre existiu nos seres humanos uma grotesca necessidade de ter, mas talvez tal ideia nunca tenha ocorrido com tanta força como atualmente. A sociedade não se prende apenas a ter coisas, mas também possui pessoas e pensamentos. Se as pessoas já não se importam em ser quem realmente são, então, elas copiam. Copiam tendências, […]

Continue lendo

Apenas mais uma página?!

Há na nossa galáxia, sempre, aqueles autores que acham que podem assassinar seus personagens. Onde a revolta cresce do âmago e brota tão alta quanto um arranha-céus, venho aqui instigá-los a participar de tal movimento cujo foco é mostrar todos os sentidos de massacrar personagens. Pesquisas comprovam que os autores mais homicidas do mundo são também os mais lidos… Mas […]

Continue lendo

“Ninguém” é uma Função

Hoje, Ninguém acordou e optou por pegar o segundo ônibus, mesmo que nunca o tivesse feito, escolheu assim conhecer aquele(s) motorista/cobrador/passageiros, mas o que isso efetivamente mudaria na vida? Ninguém pegou o ônibus da mesma maneira que sempre aliás, chegou aonde deveria como sempre e lá desempenhou seu “papel”, como deveria. Aparentemente, nada mudou na vida de Ninguém, nada mudou […]

Continue lendo

Carta ao Meritíssimo Judiciário

Machado, 17 de Abril de 2018   Estimado aos queridos, Que magnificamente (bem pagos) desempenham a “Justiça” brasileira no judiciário/STF. Venho lamentar-me e prestar minhas condolências ao casos de aviões de cocaína que decolam da fazenda do ministro da fazenda. Sinto muito, minhas desculpas a vocês judiciários competentemente (cegos), ao julgá-los como parciais no caso de Geddel Vieira Lima, que […]

Continue lendo

Meio – Ser || Local – Existir

O humano ocupa uma posição “X” no universo, um espaço literal que é exclusivamente seu. Cada pessoa no planeta Terra ocupa seu lugar momentâneo, posicionamento que define o meio em que vive. Por estar mudando sempre o ponto que ocupa, torna-se um metamórfico do meio. Conforme o Princípio da Impenetrabilidade, defendido nas Leis de Newton, “Dois corpos não podem ocupar, […]

Continue lendo
1 2 3