Carta ao recém-formado petista

Caro recém-formado petista,

Parabéns por tornar-se um comunista de Copacabana! O seu curso Iniciação ao Petismo está concluído! Para se especializar no assunto, vale a pena estudar mais sobre História do Brasil e desigualdades sociais.

Ao final, algumas considerações:

Quanto aos milhões de desempregados: Esqueça! Se alguém perguntar, coloque na conta do FHC. Ou melhor, do Temer.

Quanto aos manifestantes nas ruas nos anos passados: Todos ignorantes. Não passam de uma classe média alta que não merece estar indignada com nada. A verdade é que eles não suportam ver o pobre, filho da empregada, na faculdade.

Quanto àqueles deputados e senadores? Quase todos golpistas. Onde já se viu votarem a favor da punição de um crime que a Constituição prevê? Deveriam ter deixado essa passar. De lá, salvam-se apenas os nossos, únicos defensores da democracia.

Quanto à Dilma: Releve os discursos. Infelizmente, todo mundo já percebeu que ela é bem incapaz. Porém, quando alguém se pronunciar a respeito, chame de machista. Mude para a esfera ofensiva. Diga que não aceitam uma presidente mulher e assunto resolvido.

Quanto ao Lula: Lembre-se do Primeiro Mandamento do partido: Amar ao Lula sobre todas as coisas, porque Ele é o nosso Deus na Terra. Contudo, hoje em dia, estão desfigurando sua imagem e desmerecem-no por ser analfabeto. Onde é que conhecimento real importa? O que vale mesmo é saber dar indicativo de greve e fazer piquete. E, caro amigo, se alguém lhe importunar, fale dos muitos que ele retirou da pobreza e, mais ainda, que foi ele quem criou os Institutos Federais. Afinal de contas, não há coisa mais inteligente do que cumprir a obrigação e ainda se gabar por isso.

Quanto ao Sergio Moro e à operação Lava-Jato: Repita em alto e bom som – fascistas e golpistas! Na primeira oportunidade, acuse-os de seletividade e perseguição! Não passam de coxinhas defensores dos interesses de burgueses brancos. Quem esses juízes e promotores, conhecedores da Lei, acham que são para julgar nosso Deus? Acusam o pobre coitado e inocente do Lula em cinco processos. Não acredite nunca nisso. Ao Lula, nada lhe pertence. Em verdade, ele é a alma mais honesta que conheço. Seus filhos herdam da mesma lisura. Enriqueceram demasiadamente? Sim, mas foi com muito trabalho, é óbvio.

Quanto à educação do país? Não anda nada bem. Além de congelar os investimentos na área, o Sr. Golpista, nosso ex-parceiro, aprovou uma reforma. Entretanto, eu realmente não consigo entender como anos de muito marxismo incrustado não tenham produzido jovens espertos o suficiente. A solução, única a meu ver, seria fazer mais do mesmo.

Por fim, atenha-se em 2018: Teremos muito o que fazer. Até lá, se não souber o que argumentar, não se preocupe. Conosco é fazer e acusar o outro de ter feito. Ser sempre a vítima defensora das minorias. Caso nada funcione, basta xingar de golpista ou fascista, mesmo que você não saiba o que esses termos signifiquem.

Atenciosamente,

Mentira Omissa da Silva

Doutora em Educação e Chefe do Departamento de Ilógica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *