A flor despetalada

Trinta algozes (Des)Humanos ferozes Contra uma mulher Desprovida de defesa qualquer   Nua dopada Oh, flor despetalada Estirada dolorosamente Desalma secamente   Inescrupulosos jardineiros Da ignorância prisioneiros Não entendem a natureza Estragam toda a beleza   Pétalas a arrancar Uma lancinante dor Lança-se na pobre flor Que pranto se põe a derramar   Esses jardineiros que despetalam Esses homens que […]

Continue lendo

Inside-Out: Os Dois Lados da Lata de Sardinha

Pelo mais tardar que seja, não perdemos um lance. Primeiramente, gostaria de pedir desculpa aos nossos queridos leitores, apesar de ter demorado (burocracias e afins) trazemos a vocês um tête-à-téte de todo o ocorrido. Infelizmente, melhorias não serão vistas de imediato, mas convidamos a todos para reivindicar seus direitos (de forma organizada) no debate que ocorrerá no dia 14/06 (vulgarmente […]

Continue lendo

A-mar

Te amar É como o mar Ser puxado, puxado e puxado Às vezes pra frente, às vezes pro lado Tamanho é o encantamento Que não tem nem cabimento Esqueço até que a onda é forte E que não dá pra contar com a sorte Ora nadando Nesse mar de amor Ora me afogando Em lágrimas de dor Te amar É […]

Continue lendo

Sem Lei nem Rei

  Os justos repudiam os desonestos, já os perversos detestam os íntegros. Livro dos Provérbios, Capítulo 29, verso 27   Uma mulher, grávida de cinco meses, é agredida por seu “parceiro” durante uma discussão acalorada – a ferramenta de agressão escolhida tratava-se de um tijolo; ladrões de carro desaparecem do “radar” da polícia após uma troca de tiros frenética entre […]

Continue lendo

Prisão Liberta

Passam-se horas, dias, Vistes bem Não sais da minha mente, meu coração Tua voz, teu sorriso, teu olhar Teu olhar puro e vivo, cheio de brilho Incontrolável este desejo Esta vontade de te amar Tua calmaria, tua alegria, a inconstância, Faz-me entrar nesta aventura Sem chances de me protestar, Me controlar A noite ao fechar meus olhos tenho- te Tão […]

Continue lendo