Fim de uma era ilimitada

Lembra aqueles avisos irritantes, odiados por todos os cidadãos de que você atingiu o limite de consumo do plano de dados na internet 3G e 4G, o que significa redução da velocidade ou bloqueio de conexão? Então, a partir de agora, a Vivo, dentre outras empresas de telefonia,  vai adotar esse sistema também na banda larga fixa em que serão estabelecidos  limites mensais para a internet fixa que poderá levar ao bloqueio ou à redução da velocidade, quando o limite de banda for atingido.

O limite de  banda larga já era adotado pela NET, com a justificativa de que ajuda a manter a rede bem dimensionada para todos os assinantes.

Logo após essa notícia, diversos abaixo-assinados têm circulado pela web com milhares de assinaturas para mostrar o descontentamento generalizado da população sobre o assunto, e também Youtubers como Christian Figueiredo, Cellbit ( Garoto propaganda da Vivo), Felipe Castanhari, MrPoladoful  entre outros,  entraram com a campanha #InternetJusta em que fizeram movimentações no Youtube e no Twitter contra essa implantação.

Depois da  pressão popular, a empresa Vivo se pronunciou através de um post no Facebook em que afirma que oferecerá franquias ilimitadas, mesmo não dando informação alguma de como isso será feito.

Post da Vivo :

Em respeito aos nossos clientes e aos diversos comentários em redes sociais, esclarecemos os seguintes pontos:

 

-Se você possui Vivo Fibra ou banda larga GVT contratados até 01/04/2016, o uso ilimitado de internet está garantido.

 

-Os planos contratados após esta data preveem franquia de internet e têm, em caráter promocional, uso ilimitado. Não há previsão de alterações, mas asseguramos que quando e, se ocorrerem, serão avisadas antecipadamente, precedidas de ampla comunicação e de ferramentas para que você compreenda e acompanhe o seu consumo de internet.

O sistema de franquia pode até não ser ilegal ou proibido, mas se tivermos que aceitar esse tipo de sistema, então que a quantidade de franquia disponibilizada seja MUITO maior que o que está sendo proposto, com valores acessíveis e justos. Internet justa a todos.

Movimente-se, mostre sua opinião. #InternetJusta

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *